segunda-feira, 19 de setembro de 2011

O verbo "amar"


“AMAR”

Já esgotei o verbo
“Amar”
Já deixei de o
Conjugar…

Não sinto vontade
De o escrever,
Nem tão pouco
De o dizer…

“Amor”…
Hoje, é apenas...
Expressão…
Que habita por
Ocasião.

No ego onde quer
Crescer…
Por vaidade…ou não?!

Mas, o Amor a valer
Não é só palavra …

Nem perdão!...
“Amor”…

“Amor”…É Ser!...



2 comentários:

  1. Gosto deste deste poema e do verbo AMAR. Permite-me hoje dizer-te(porque amanhã posso assim já não pensar) que é um verbo lindo que mesmo não se podendo conjugar no passado, nem no presente, pode-se conjugar no futuro: eu amarei... que esperança doce elouca, não é?
    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. Que grande verdade minha amiga Marta ! Um abraço
    Da Mel

    ResponderEliminar