segunda-feira, 8 de junho de 2015

Silabas mudas

***
Caem sílabas mudas
nas pedras nuas
da rua quente
Não passa ninguém...
Só cantam as aves
e apenas as folhas indiferentes
mergulham
na sombra das árvores

* * * .

1 comentário: