sábado, 9 de julho de 2011

Tentação


Tentação…porque me das a mão?
Porque me arrastas contigo?
Não tens lugar como abrigo…
Pra tão grande… coração!

 Afasta-te de mim que me ocorre...
A alma de alguém que morre…
Em lugar incerto…um deserto…
Dentro de mim, e tão perto…

Apaga a luz… já fui…
Esquece…se for preciso…
Eu sou sombra...sou nuvem
E, na sombra não há luz...
Nem sentido!

Ama-te …como eu te amo!
Sente-te.. como eu te sinto!
Abre os olhos e sorri…
Como ainda eu vou sorrindo!

Sem comentários:

Enviar um comentário